Vírus Envelopados E Não Envelopados

Reza July 14, 2021
PPT Vírus “Piratas de células” PowerPoint Presentation, free download

Introdução

Os vírus são organismos que podem causar doenças em humanos, animais e plantas. Eles são compostos por material genético (DNA ou RNA) e uma cápsula protéica que envolve o material genético. Existem dois tipos de vírus: os envelopados e os não envelopados. A diferença entre os dois tipos é a presença ou ausência de uma camada lipídica que envolve a cápsula protéica. Neste artigo, vamos explicar mais sobre esses dois tipos de vírus e suas características distintas.

Vírus não envelopados

Os vírus não envelopados são aqueles que não possuem uma camada lipídica que envolve a sua cápsula protéica. Eles são compostos apenas por uma cápsula protéica que envolve o material genético do vírus. Alguns exemplos de vírus não envelopados são o vírus da poliomielite, o vírus da gripe e o vírus do herpes.

Características dos vírus não envelopados

  • São mais resistentes a condições ambientais adversas, como temperatura e pH extremos;
  • São mais facilmente destruídos por desinfetantes e álcool;
  • São mais facilmente reconhecidos pelo sistema imunológico, o que pode levar a uma resposta imune mais rápida e eficaz;
  • São mais facilmente transmitidos de pessoa para pessoa, pois não precisam de uma camada lipídica para se ligar às células do hospedeiro.

Vírus envelopados

Os vírus envelopados são aqueles que possuem uma camada lipídica que envolve a sua cápsula protéica. Essa camada lipídica é composta por moléculas de lipídio que são roubadas da membrana celular das células hospedeiras durante a replicação viral. Alguns exemplos de vírus envelopados são o vírus da dengue, o vírus da hepatite C e o vírus da AIDS.

Características dos vírus envelopados

  • São mais sensíveis a condições ambientais adversas, como temperatura e pH extremos;
  • São mais resistentes a desinfetantes e álcool;
  • São menos facilmente reconhecidos pelo sistema imunológico, o que pode levar a uma resposta imune mais lenta e menos eficaz;
  • São menos facilmente transmitidos de pessoa para pessoa, pois precisam da camada lipídica para se ligar às células do hospedeiro.

Conclusão

Em resumo, os vírus envelopados e não envelopados possuem características distintas que afetam a sua capacidade de causar doenças e se espalhar entre as pessoas. Os vírus não envelopados são mais resistentes a condições ambientais adversas, mas mais facilmente reconhecidos pelo sistema imunológico. Já os vírus envelopados são menos resistentes a condições adversas, mas menos facilmente reconhecidos pelo sistema imunológico. É importante entender essas diferenças para que possamos desenvolver estratégias eficazes de prevenção e tratamento de doenças virais.

FAQs

1. Todos os vírus têm uma camada lipídica?

Não, apenas os vírus envelopados possuem uma camada lipídica. Os vírus não envelopados são compostos apenas por uma cápsula protéica que envolve o material genético do vírus.

2. Qual é a importância de entender a diferença entre vírus envelopados e não envelopados?

Entender a diferença entre vírus envelopados e não envelopados é importante para desenvolver estratégias eficazes de prevenção e tratamento de doenças virais. Por exemplo, os vírus envelopados são mais resistentes a desinfetantes e álcool, o que significa que pode ser necessário usar métodos especiais de desinfecção para eliminá-los. Além disso, os vírus envelopados são menos facilmente reconhecidos pelo sistema imunológico, o que pode tornar mais difícil desenvolver uma vacina eficaz contra eles.

For more information, please click the button below.

3. Todos os vírus envelopados são perigosos?

Não necessariamente. Nem todos os vírus envelopados causam doenças graves em humanos. Por exemplo, o vírus da gripe é envelopado, mas geralmente causa apenas sintomas leves a moderados em pessoas saudáveis. No entanto, existem vírus envelopados que são extremamente perigosos, como o vírus Ebola e o vírus da AIDS.

Related video of vírus envelopados e não envelopados

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait