Resumo Do Livro O Príncipe De Maquiavel Por Capítulo

Reza August 3, 2022
Livro O Príncipe Texto Integral 4ª Ed 2015 Nicolau Maquiavel

Introdução

O Príncipe é um livro escrito por Nicolau Maquiavel no início do século XVI e é considerado um dos maiores clássicos da literatura política. Neste livro, Maquiavel apresenta um guia para os príncipes, que são os governantes da época, sobre como manter e consolidar o poder. O livro é dividido em 26 capítulos e, neste resumo, vamos apresentar um resumo do livro por capítulo.

Capítulo 1

O primeiro capítulo começa com uma introdução do livro e uma dedicatória ao príncipe Lorenzo de Médici. Maquiavel explica que sua intenção é apresentar um guia prático para governar um Estado e que seu objetivo é ajudar os príncipes a manterem-se no poder.

Capítulo 2

O segundo capítulo fala sobre os diferentes tipos de principados e como eles são adquiridos. Maquiavel argumenta que os principados podem ser herdados, conquistados com as próprias mãos ou por meio de outros governantes. Ele também discute a diferença entre principados novos e antigos e como cada um pode ser mantido.

Capítulo 3

No terceiro capítulo, Maquiavel discute as diferentes formas de governar um Estado. Ele argumenta que um príncipe deve escolher entre ser amado ou temido, pois é difícil ser ambos ao mesmo tempo. Ele também explica que um príncipe deve evitar ser odiado e ser generoso com seus súditos, mas não a ponto de ser considerado fraco.

Capítulo 4

O quarto capítulo fala sobre a necessidade de um príncipe ser respeitado pelos seus súditos. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ter o controle absoluto do Estado e que deve evitar confiar em outros para governar em seu nome. Ele também discute a importância de ter um exército forte e bem treinado.

Capítulo 5

No quinto capítulo, Maquiavel discute a necessidade de um príncipe ser cauteloso em relação aos seus amigos e aliados. Ele argumenta que os amigos podem se tornar inimigos e que os aliados podem mudar de lado se for do seu interesse. Maquiavel também explica que um príncipe deve ter a habilidade de enganar seus inimigos e amigos, se necessário.

For more information, please click the button below.

Capítulo 6

O sexto capítulo fala sobre a necessidade de um príncipe ser virtuoso. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ter virtudes como coragem, sabedoria e justiça, mas que também deve estar disposto a agir de forma imoral se for necessário para manter o poder. Ele também discute a importância da fortuna e como um príncipe deve estar preparado para lidar com ela.

Capítulo 7

No sétimo capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser prudente em relação aos seus conselheiros. Ele argumenta que um príncipe deve escolher seus conselheiros com cuidado e evitar aqueles que são aduladores ou que têm interesses próprios em mente. Maquiavel também discute a importância de ouvir as opiniões dos outros, mas tomar suas próprias decisões.

Capítulo 8

O oitavo capítulo fala sobre a importância de um príncipe ser corajoso. Maquiavel argumenta que um príncipe deve estar disposto a correr riscos e ser agressivo quando necessário para manter o poder. Ele também discute a importância de um príncipe ter uma boa reputação entre seus súditos e inimigos.

Capítulo 9

No nono capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser estratégico. Ele argumenta que um príncipe deve ser capaz de planejar com antecedência e ter a habilidade de mudar de estratégia se necessário. Maquiavel também discute a importância de saber quando usar a força e quando usar a diplomacia.

Capítulo 10

O décimo capítulo fala sobre a importância de um príncipe ser capaz de mudar sua natureza. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ser capaz de mudar sua natureza e adaptar-se às circunstâncias, se necessário. Ele também discute a importância de um príncipe ser capaz de parecer religioso, mesmo que não seja, para ganhar o apoio dos seus súditos.

Capítulo 11

No décimo primeiro capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser implacável em relação aos seus inimigos. Ele argumenta que um príncipe deve estar disposto a usar a crueldade se necessário para manter o poder e evitar ser atacado pelos seus inimigos. Maquiavel também discute a importância de um príncipe ser capaz de lidar com traidores e conspiradores.

Capítulo 12

O décimo segundo capítulo fala sobre a importância de um príncipe ser capaz de manter a ordem em seu Estado. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ser capaz de lidar com a justiça e a violência de forma equilibrada e que deve evitar ser visto como fraco pelos seus súditos. Ele também discute a importância de um príncipe ter leis claras e justas.

Capítulo 13

No décimo terceiro capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser capaz de lidar com a opinião pública. Ele argumenta que um príncipe deve ser capaz de controlar a opinião pública e evitar ser visto como cruel ou injusto. Maquiavel também discute a importância de um príncipe ter um bom relacionamento com a igreja e a religião.

Capítulo 14

O décimo quarto capítulo fala sobre a necessidade de um príncipe ser capaz de lidar com as conspirações. Maquiavel argumenta que um príncipe deve estar sempre alerta para possíveis conspirações e ser capaz de lidar com elas com rapidez e eficiência. Ele também discute a importância de manter a confiança dos súditos e evitar ser traído por seus próprios conselheiros.

Capítulo 15

No décimo quinto capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser capaz de lidar com a guerra. Ele argumenta que um príncipe deve estar sempre preparado para a guerra e ter um exército forte e bem treinado. Maquiavel também discute a importância de ter aliados e evitar a neutralidade em tempos de guerra.

Capítulo 16

O décimo sexto capítulo fala sobre a importância de um príncipe ser capaz de lidar com as mudanças. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ser capaz de mudar sua política e estratégia se necessário e que deve estar sempre pronto para lidar com novas situações. Ele também discute a importância de ter um bom relacionamento com outras nações.

Capítulo 17

No décimo sétimo capítulo, Maquiavel discute a importância de um príncipe ser capaz de manter sua palavra. Ele argumenta que um príncipe deve ser sincero e honesto em suas promessas e evitar ser visto como enganador. Maquiavel também discute a importância de um príncipe ter uma boa relação com seus aliados e súditos.

Capítulo 18

O décimo oitavo capítulo fala sobre a importância de um príncipe ser capaz de usar seus recursos de forma eficiente. Maquiavel argumenta que um príncipe deve ser capaz de usar seus recursos de forma eficiente e evitar o desperdício. Ele também discute

Related video of resumo do livro o principe de maquiavel por capitulo

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait