Quando 0 500 Mol De Etanol Líquido Sofre Combustão Total

Reza January 16, 2023
Termoquimica.1

Introdução

A combustão é um processo químico exotérmico que ocorre quando uma substância reage com o oxigênio e libera energia na forma de calor e luz. O etanol é um exemplo de uma substância que pode sofrer combustão total quando exposta a uma fonte de calor. Neste contexto, este artigo tem como objetivo explorar o que acontece quando 0,500 mol de etanol líquido sofre combustão total.

Etanol

O etanol é um composto orgânico que possui uma fórmula molecular de C2H5OH. É um líquido incolor, inflamável e com um odor característico. É amplamente utilizado como combustível em motores de combustão interna, como aditivo em gasolina e como solvente em produtos químicos.

Combustão do etanol

A combustão do etanol é uma reação química exotérmica que ocorre quando o etanol reage com o oxigênio para produzir dióxido de carbono e água. A equação química para essa reação é: C2H5OH + 3O2 → 2CO2 + 3H2O Essa reação é exotérmica, o que significa que libera energia na forma de calor e luz. A quantidade de energia liberada depende das condições em que a reação ocorre, como a quantidade de etanol e oxigênio presentes e a temperatura e pressão do ambiente.

0,500 mol de etanol

Um mol é uma unidade de medida química que representa a quantidade de uma substância que contém o mesmo número de átomos ou moléculas que existem em 12 gramas de carbono-12. A massa molar do etanol é de 46,07 g/mol, o que significa que um mol de etanol pesa 46,07 gramas. Se 0,500 mol de etanol líquido sofre combustão total, isso significa que 23,035 gramas (0,500 mol x 46,07 g/mol) de etanol reagem com oxigênio para produzir dióxido de carbono e água.

Reação química

A combustão de 0,500 mol de etanol líquido pode ser representada pela seguinte equação química: C2H5OH + 1,5O2 → CO2 + 1,5H2O Nessa reação, 0,500 mol de etanol reage com 0,750 mol de oxigênio (1,5 x 0,500 mol) para produzir 0,500 mol de dióxido de carbono e 0,750 mol de água (1,5 x 0,500 mol).

Cálculo de energia liberada

A quantidade de energia liberada durante a combustão do etanol pode ser calculada usando a equação de Hess, que é uma equação termodinâmica que relaciona as entalpias das substâncias envolvidas em uma reação química. A entalpia de combustão do etanol é de -1367 kJ/mol. Isso significa que, quando um mol de etanol é completamente queimado, libera 1367 kJ de energia na forma de calor. Para calcular a energia liberada durante a combustão de 0,500 mol de etanol, podemos usar a seguinte fórmula: Energia liberada = entalpia de combustão x mol de etanol Energia liberada = -1367 kJ/mol x 0,500 mol Energia liberada = -683,5 kJ Isso significa que a combustão de 0,500 mol de etanol líquido libera 683,5 kJ de energia na forma de calor.

For more information, please click the button below.

Conclusão

A combustão total de 0,500 mol de etanol líquido produz dióxido de carbono e água e libera 683,5 kJ de energia na forma de calor. É importante lembrar que a quantidade de energia liberada pode variar dependendo das condições em que a reação ocorre.

FAQs

1. O que é um mol?

Um mol é uma unidade de medida química que representa a quantidade de uma substância que contém o mesmo número de átomos ou moléculas que existem em 12 gramas de carbono-12.

2. O que é entalpia de combustão?

A entalpia de combustão é a quantidade de energia liberada quando uma substância é completamente queimada em presença de oxigênio.

3. O que é a equação de Hess?

A equação de Hess é uma equação termodinâmica que relaciona as entalpias das substâncias envolvidas em uma reação química. É usada para calcular a quantidade de energia liberada ou absorvida durante uma reação.

Related video of quando 0 500 mol de etanol liquido sofre combustao total

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait