Primeira Lei De Mendel Mapa Mental

Reza November 18, 2022
Mapa Mental 1 Lei De Mendel ASKBRAIN

A primeira lei de Mendel, também conhecida como lei da segregação ou lei da pureza dos gametas, é um princípio fundamental da genética que diz que cada indivíduo possui dois alelos para cada característica hereditária, um herdado da mãe e outro do pai, que se separam durante a formação dos gametas.

O que é a primeira lei de Mendel?

A primeira lei de Mendel é uma das leis fundamentais da genética, que descreve como os alelos são transmitidos de uma geração para outra. Ela foi proposta pelo monge austríaco Gregor Mendel em 1865, após vários experimentos com plantas de ervilha.

Como funciona a primeira lei de Mendel?

De acordo com a primeira lei de Mendel, cada indivíduo possui dois alelos para cada característica hereditária, um herdado da mãe e outro do pai. Esses alelos podem ser dominantes ou recessivos, e determinam as características físicas do indivíduo.

Durante a formação dos gametas, os alelos se separam, de modo que cada gameta recebe apenas um alelo para cada característica. Isso significa que cada gameta é haploide, ou seja, possui apenas metade do número de cromossomos da célula original.

Quando os gametas se unem durante a fecundação, formando um zigoto, os alelos se combinam novamente, formando um novo indivíduo com características genéticas únicas.

Quais são os tipos de alelos na primeira lei de Mendel?

Na primeira lei de Mendel, existem dois tipos de alelos: os dominantes e os recessivos.

For more information, please click the button below.

Os alelos dominantes são aqueles que determinam a expressão da característica, mesmo em heterozigose, ou seja, quando um alelo é dominante e o outro é recessivo. Eles são representados por letras maiúsculas, como A, B, C, etc.

Os alelos recessivos são aqueles que só são expressos quando estão em homozigose, ou seja, quando ambos os alelos são recessivos. Eles são representados por letras minúsculas, como a, b, c, etc.

Exemplo da primeira lei de Mendel

Um exemplo clássico da primeira lei de Mendel é o cruzamento entre plantas de ervilha com sementes amarelas e verdes. Nesse caso, a cor amarela é dominante sobre a cor verde.

Se cruzarmos duas plantas heterozigotas (Aa) para a cor das sementes, teremos os seguintes resultados:

  • 25% das sementes serão amarelas homozigotas (AA)
  • 50% das sementes serão amarelas heterozigotas (Aa)
  • 25% das sementes serão verdes homozigotas (aa)

Isso acontece porque, durante a formação dos gametas, os alelos A e a se separam, de modo que cada gameta recebe apenas um alelo para a cor das sementes. Quando os gametas se unem durante a fecundação, formando um zigoto, os alelos A e a se combinam novamente, formando um novo indivíduo com características genéticas únicas.

Conclusão

A primeira lei de Mendel é um princípio fundamental da genética que descreve como os alelos são transmitidos de uma geração para outra. Ela é baseada na ideia de que cada indivíduo possui dois alelos para cada característica hereditária, um herdado da mãe e outro do pai, que se separam durante a formação dos gametas.

Essa lei é importante porque permite entender como as características genéticas são transmitidas de uma geração para outra, e como os alelos se combinam para formar indivíduos únicos com características genéticas distintas.

FAQs

1. Qual é a importância da primeira lei de Mendel?

A primeira lei de Mendel é importante porque permite entender como as características genéticas são transmitidas de uma geração para outra, e como os alelos se combinam para formar indivíduos únicos com características genéticas distintas. Ela é a base da genética moderna e é usada em diversos campos, como a agricultura, a medicina e a biotecnologia.

2. Como a primeira lei de Mendel é aplicada na agricultura?

A primeira lei de Mendel é aplicada na agricultura para melhorar a qualidade e a produtividade das plantas e dos animais. Por exemplo, os agricultores podem cruzar plantas com características desejáveis, como maior resistência a doenças ou maior produtividade, para produzir novas variedades com essas características.

3. Qual é a diferença entre alelo dominante e recessivo?

A diferença entre alelo dominante e recessivo é que o alelo dominante determina a expressão da característica, mesmo em heterozigose, ou seja, quando um alelo é dominante e o outro é recessivo, enquanto o alelo recessivo só é expresso quando está em homozigose, ou seja, quando ambos os alelos são recessivos.

Related video of primeira lei de mendel mapa mental

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait