Portões De Madeira Para Sítios

Reza November 4, 2021
Portão De Madeira Para Sitios R 900,00 em Mercado Livre

Os portões de madeira para sítios são uma opção popular para quem deseja agregar beleza e segurança ao seu imóvel rural. Além de proporcionarem um visual rústico e elegante, esses portões são duráveis e resistentes, garantindo a proteção da propriedade contra invasões e animais.

Tipos de madeira utilizados em portões para sítios

Existem diversas opções de madeiras para a confecção de portões de sítios, dentre as mais comuns estão:

  • Cedro;
  • Jatobá;
  • Ipe;
  • Eucalipto;
  • Pau-ferro;
  • Angelim.

Cada tipo de madeira apresenta características específicas, por isso é importante avaliar a finalidade do portão para escolher a melhor opção. Por exemplo, o jatobá é uma madeira bastante resistente e durável, ideal para portões que ficarão expostos ao sol e à chuva. Já o cedro é uma madeira mais leve e fácil de trabalhar, indicada para portões menores e com menos uso.

Modelos de portões de madeira para sítios

Os modelos de portões de madeira para sítios variam em tamanho, estilo e acabamento. Alguns dos modelos mais comuns são:

  • Portão de correr: esse modelo é ideal para propriedades com pouco espaço, já que não exige que o portão abra para fora. Ele é composto por trilhos e roldanas que permitem o deslocamento lateral do portão;
  • Portão basculante: esse modelo é fixado em um eixo horizontal e se abre para cima, deixando a entrada livre. É uma opção elegante e prática;
  • Portão pivotante: esse modelo é fixado em um eixo vertical e se abre para dentro ou para fora. É uma opção mais robusta e que transmite segurança;
  • Portão de duas folhas: esse modelo é composto por duas folhas que se abrem para os lados, permitindo a entrada de veículos maiores.

Cuidados com portões de madeira para sítios

Para garantir a durabilidade e a beleza dos portões de madeira para sítios, é importante tomar alguns cuidados, como:

  • Proteger a madeira da umidade: a umidade pode danificar a madeira, por isso é importante aplicar vernizes ou seladores que protejam contra a água;
  • Realizar a manutenção periódica: é recomendado realizar a pintura ou envernização dos portões a cada dois anos, para garantir a proteção contra os agentes externos;
  • Evitar o contato com produtos químicos: produtos como solventes e ácidos podem danificar a madeira, por isso devem ser evitados;
  • Verificar as ferragens: as ferragens dos portões também precisam de manutenção, verifique se estão enferrujadas ou com problemas de funcionamento e substitua-as caso necessário.

Conclusão

Os portões de madeira para sítios são uma excelente opção para quem deseja agregar beleza, segurança e durabilidade ao seu imóvel rural. Com diversas opções de madeira e modelos, é possível escolher o que melhor atende às necessidades da propriedade. Cuidados simples de manutenção garantem a beleza e a funcionalidade dos portões por muitos anos.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. Qual é a melhor madeira para portões de sítios?

Não existe uma resposta única para essa pergunta, pois a escolha da madeira depende da finalidade do portão e das preferências do proprietário. Algumas das opções mais comuns são o jatobá, o cedro e o pau-ferro.

2. É possível personalizar o design dos portões de madeira para sítios?

Sim, é possível personalizar o design dos portões de madeira para sítios, escolhendo o modelo, o tamanho e o acabamento que mais se adequem à propriedade. É possível também adicionar detalhes como desenhos, letras ou brasões.

3. Os portões de madeira para sítios são mais caros do que os de metal?

Isso depende do modelo e das especificações do portão, mas em geral os portões de madeira para sítios tendem a ser um pouco mais caros do que os de metal, devido à qualidade da matéria-prima e à mão de obra necessária para a confecção.

Related video of portoes de madeira para sitios

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait