Poema "Leilão De Jardim" De Cecília Meireles

Reza July 6, 2022
POESIA CECÍLIA MEIRELES LEILÃO DE JARDIM Espero ter contribuído

Introdução

O poema “Leilão de Jardim” é uma obra da poetisa brasileira Cecília Meireles, presente em seu livro “Mar Absoluto”, publicado em 1945. A autora é considerada uma das mais importantes da literatura brasileira e sua obra é marcada pela sensibilidade e delicadeza. O poema em questão é uma representação poética de um leilão de plantas em um jardim, onde as plantas são apresentadas como seres vivos, cada uma com sua beleza e singularidade. Através da descrição de cada planta, a autora busca transmitir ao leitor a importância da preservação da natureza e a valorização da diversidade.

Análise do poema

O poema “Leilão de Jardim” é composto por 12 estrofes, cada uma com quatro versos. O ritmo é marcado pela alternância entre versos longos e curtos, criando um efeito musical na leitura. A seguir, uma análise das principais características do poema:

Personificação das plantas

Uma das principais características do poema é a personificação das plantas, que são apresentadas como seres vivos, cada um com sua personalidade e beleza única. Cada planta é descrita com detalhes, como se fosse uma pessoa sendo apresentada em um evento social. Por exemplo, a primeira planta apresentada no leilão é descrita da seguinte forma: “lírio do campo, tão branco,/com seu luar delicado”. A escolha dos adjetivos “branco” e “delicado” transmitem a ideia de pureza e fragilidade, características frequentemente atribuídas às flores.

Valorização da diversidade

Outra característica importante do poema é a valorização da diversidade. Cada planta apresentada no leilão é única e tem sua beleza particular. A autora faz questão de destacar essa diversidade, mostrando que cada ser vivo tem seu valor e importância. Por exemplo, a descrição da planta “alecrim” destaca sua simplicidade: “alecrim, que não tem medo/de ser só o que é, tão pouco”. A escolha dos adjetivos “simplicidade” e “só o que é” transmitem a ideia de que não é preciso ser grandioso para ser valorizado.

Crítica à sociedade consumista

Embora o poema seja uma celebração da natureza, há também uma crítica implícita à sociedade consumista. O leilão de plantas é descrito como um evento social, onde as pessoas disputam pelas plantas mais bonitas e raras. Por exemplo, a descrição da planta “rosa” destaca sua beleza exótica: “rosa, cor de vinho, aberta/como a boca da paixão”. A escolha dos adjetivos “vinho” e “paixão” transmitem a ideia de que a rosa é uma planta desejada e valiosa.

Conclusão

O poema “Leilão de Jardim” de Cecília Meireles é uma obra marcada pela sensibilidade e delicadeza, que busca transmitir ao leitor a importância da preservação da natureza e a valorização da diversidade. Através da personificação das plantas e da descrição de suas características únicas, a autora mostra que cada ser vivo tem seu valor e importância, e que é preciso proteger a natureza para que essa diversidade seja preservada.

For more information, please click the button below.

FAQs

1. Qual a importância da diversidade para o poema “Leilão de Jardim”?

A diversidade é uma das principais características valorizadas no poema “Leilão de Jardim”. Cada planta apresentada no leilão é única e tem sua beleza particular, mostrando que cada ser vivo tem seu valor e importância. A autora busca transmitir ao leitor a importância da preservação da natureza e a valorização da diversidade.

2. Como o poema “Leilão de Jardim” critica a sociedade consumista?

Embora o poema seja uma celebração da natureza, há também uma crítica implícita à sociedade consumista. O leilão de plantas é descrito como um evento social, onde as pessoas disputam pelas plantas mais bonitas e raras. A descrição de algumas plantas, como a rosa, destaca sua beleza exótica e desejada, o que pode ser interpretado como uma crítica ao consumo desenfreado.

3. Qual a mensagem principal do poema “Leilão de Jardim”?

A mensagem principal do poema “Leilão de Jardim” é a importância da preservação da natureza e a valorização da diversidade. Através da personificação das plantas e da descrição de suas características únicas, a autora mostra que cada ser vivo tem seu valor e importância, e que é preciso proteger a natureza para que essa diversidade seja preservada. Além disso, há também uma crítica implícita à sociedade consumista, que valoriza apenas o que é raro e exótico, em detrimento da simplicidade e da diversidade.

Related video of poema leilão de jardim cecília meireles

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait