Poema De Casimiro De Abreu

Reza May 22, 2021
Blog da L&PM Editores Casimiro de abreu, Poemas, Citações

Introdução

Casimiro José Marques de Abreu foi um poeta brasileiro, nascido em 4 de janeiro de 1839, em Barra de São João, no estado do Rio de Janeiro. Ele é considerado um dos principais representantes do ultrarromantismo no Brasil e sua obra mais conhecida é o livro “As Primaveras”, publicado em 1859. Neste texto, vamos conhecer um pouco mais sobre a vida e a obra de Casimiro de Abreu e analisar um de seus poemas mais famosos.

Vida de Casimiro de Abreu

Casimiro de Abreu nasceu em uma família aristocrática e teve uma infância privilegiada. Seu pai era um rico fazendeiro e político da região e o poeta teve acesso a uma boa educação. Aos 17 anos, ele se mudou para o Rio de Janeiro para estudar direito, mas acabou abandonando o curso para se dedicar à literatura. Em 1857, Casimiro de Abreu conheceu José de Alencar, um dos maiores escritores brasileiros da época, que se tornou seu mentor e amigo. Alencar incentivou o jovem poeta a escrever e publicar seus textos e ajudou a divulgar suas obras. Infelizmente, a vida de Casimiro de Abreu foi curta e ele faleceu aos 21 anos, em 18 de outubro de 1860, vítima de tuberculose. Mesmo assim, sua obra teve grande repercussão e influenciou diversos escritores brasileiros.

Obra de Casimiro de Abreu

Casimiro de Abreu escreveu poesias, contos e crônicas, mas sua obra mais famosa é o livro “As Primaveras”, que reúne 37 poemas escritos entre 1853 e 1858. A obra é considerada um marco do ultrarromantismo no Brasil e apresenta temas como amor, saudade, natureza e morte. Os poemas de Casimiro de Abreu são marcados pela melancolia e pelo lirismo exagerado, típicos do ultrarromantismo. O poeta utiliza muitas metáforas e comparações para expressar seus sentimentos e emoções.

Análise do poema “Meus oito anos”

Um dos poemas mais conhecidos de Casimiro de Abreu é “Meus oito anos”, escrito em 1855. O poema fala sobre a infância e a nostalgia que ela desperta na vida adulta. Vamos analisar alguns trechos do poema:

“Oh! Que saudades que tenho
Da aurora da minha vida,
Da minha infância querida
Que os anos não trazem mais!”

Nesses versos, o poeta começa expressando sua saudade da infância, que ele chama de “aurora da minha vida”. Ele lamenta que os anos não tragam de volta essa época tão querida.

For more information, please click the button below.

“Que amor, que sonhos, que flores,
Naquelas tardes fagueiras,
À sombra das bananeiras,
Debaixo dos laranjais!”

Aqui, Casimiro de Abreu descreve a infância como um período de amor, sonhos e flores. Ele lembra das tardes gostosas passadas debaixo das árvores frutíferas, o que reforça a ideia de uma infância feliz e tranquila.

“Como são belos os dias
Do despontar da existência!
— Respira a alma inocência
Como perfumes a flor;”

Nesses versos, o poeta destaca a beleza dos primeiros dias de vida, quando a alma é inocente e pura como as flores que exalam perfume.

“Só de pensar na pureza
Dessa época encantada,
A minha alma fica inflamada
De uma estranha emoção,
E para reviver essas horas
Ideias tão gratas e boas,
Vou procurar borboletas
Entre as flores do meu jardim.”

No final do poema, Casimiro de Abreu fala sobre a saudade que sente da infância e como tenta reviver esses momentos tão felizes. Ele diz que procura borboletas entre as flores do seu jardim, como se tentasse resgatar um pouco da inocência e da pureza daquela época.

Conclusão

Casimiro de Abreu foi um dos principais poetas do ultrarromantismo no Brasil e sua obra é marcada pelo lirismo exagerado e pela nostalgia. Seu livro “As Primaveras” é uma das obras mais importantes da literatura brasileira e influenciou diversos escritores. O poema “Meus oito anos” é um dos mais conhecidos de Casimiro de Abreu e expressa de forma sensível e emotiva a saudade da infância e a busca por momentos felizes do passado.

FAQs

1. Quais são as principais características do ultrarromantismo?

O ultrarromantismo é marcado pelo lirismo exagerado, pela idealização da natureza e da mulher, pelo individualismo e pela nostalgia. Os poetas ultrarromânticos exaltavam o amor e a paixão e utilizavam muitas metáforas e comparações em suas obras.

2. Qual é a importância de “As Primaveras” na literatura brasileira?

“As Primaveras” é uma obra considerada um marco do ultrarromantismo no Brasil e apresenta temas e características que influenciaram diversos escritores. O livro é uma das obras mais importantes da literatura brasileira e ajudou a consolidar a poesia como um gênero literário valorizado no país.

3. Como a saudade da infância é retratada no poema “Meus oito anos”?

No poema “Meus oito anos”, Casimiro de Abreu expressa sua saudade da infância de forma sensível e emotiva. Ele descreve a infância como um período de amor, sonhos e flores e lamenta que os anos não tragam de volta essa época tão querida. O poeta busca reviver esses momentos felizes, como se tentasse resgatar um pouco da inocência e da pureza daquela época.

Related video of poema de casimiro de abreu

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait