O Vendedor De Frutas Tarsila Do Amaral

Reza July 5, 2021
Obra O Vendedor De Frutas Tarsila Do Amaral EDUCA

O Vendedor de Frutas é uma das obras mais famosas da artista brasileira Tarsila do Amaral. Ela foi pintada em 1925, durante a fase antropofágica do movimento modernista brasileiro. A pintura retrata um vendedor ambulante de frutas em São Paulo, em um cenário que mistura elementos urbanos e rurais.

Contexto Histórico

A obra O Vendedor de Frutas foi pintada em um momento de grande efervescência cultural no Brasil. O país estava passando por diversas transformações políticas e sociais, como a Semana de Arte Moderna de 1922, que marcou o início do movimento modernista brasileiro. Nesse contexto, artistas como Tarsila do Amaral buscavam romper com as tradições acadêmicas e criar uma linguagem artística genuinamente brasileira.

A fase antropofágica do modernismo brasileiro, na qual se insere a obra O Vendedor de Frutas, propunha a ideia de que a arte brasileira deveria “devorar” as influências estrangeiras e transformá-las em algo próprio e autêntico. Essa ideia era inspirada na prática antropofágica de algumas tribos indígenas brasileiras, que comiam seus inimigos como forma de absorver suas qualidades e poderes.

Análise da Obra

O Vendedor de Frutas é uma pintura a óleo sobre tela, com dimensões de 165 x 178 cm. A obra retrata um vendedor ambulante de frutas em um cenário que mistura elementos urbanos e rurais. O vendedor está vestido com roupas simples e segura uma cesta de frutas na mão direita. Ao fundo, é possível ver um prédio de estilo colonial e uma igreja, que contrastam com a paisagem rural que se estende à esquerda do quadro.

Uma das características mais marcantes da obra é o uso de cores fortes e contrastantes. Tarsila do Amaral usa tons de verde, vermelho e amarelo para representar as frutas e os objetos do cenário, enquanto o azul e o marrom são usados para a representação do céu e da terra. A composição da obra é bastante simétrica, com o vendedor de frutas ocupando o centro do quadro e os elementos do cenário distribuídos de forma equilibrada ao seu redor.

Além disso, a obra apresenta diversas referências à cultura popular brasileira, como a presença de elementos do folclore, como a figa que o vendedor de frutas usa no pescoço, e a representação de uma casa de pau-a-pique na paisagem rural ao fundo. Essas referências contribuem para a construção de uma identidade visual brasileira na obra.

For more information, please click the button below.

Significado da Obra

O Vendedor de Frutas é uma obra que representa a valorização do trabalho e da cultura popular brasileira. Ao retratar um vendedor ambulante de frutas, Tarsila do Amaral destaca a importância do trabalho informal e da economia popular na vida das pessoas. Além disso, a presença de elementos do folclore brasileiro na obra reforça a ideia de que a cultura popular é uma parte fundamental da identidade brasileira.

Por outro lado, a presença de elementos urbanos e rurais no cenário da obra pode ser interpretada como uma crítica à desigualdade social e à falta de planejamento urbano nas cidades brasileiras. A presença de um prédio colonial ao lado de uma paisagem rural pobre pode representar a desigualdade entre as diferentes classes sociais no Brasil.

Conclusão

O Vendedor de Frutas é uma obra icônica da artista Tarsila do Amaral e do movimento modernista brasileiro. A obra representa a valorização do trabalho e da cultura popular brasileira, ao mesmo tempo em que faz uma crítica à desigualdade social e à falta de planejamento urbano nas cidades brasileiras. Com seu uso de cores fortes e contrastantes e suas referências à cultura popular brasileira, O Vendedor de Frutas é uma obra que continua a inspirar e encantar o público até os dias de hoje.

FAQs

O que é o movimento modernista brasileiro?

O movimento modernista brasileiro foi um movimento cultural que ocorreu no Brasil nas décadas de 1910 e 1920. Esse movimento buscava romper com as tradições acadêmicas e criar uma linguagem artística genuinamente brasileira. O movimento modernista brasileiro é conhecido por ter produzido obras marcantes em diversas áreas, como a literatura, a música e as artes plásticas.

Qual é o significado da fase antropofágica do modernismo brasileiro?

A fase antropofágica do modernismo brasileiro propunha a ideia de que a arte brasileira deveria “devorar” as influências estrangeiras e transformá-las em algo próprio e autêntico. Essa ideia era inspirada na prática antropofágica de algumas tribos indígenas brasileiras, que comiam seus inimigos como forma de absorver suas qualidades e poderes. A fase antropofágica foi uma das mais importantes do movimento modernista brasileiro.

Quais são as características da obra O Vendedor de Frutas?

As características da obra O Vendedor de Frutas incluem o uso de cores fortes e contrastantes, a presença de elementos urbanos e rurais no cenário, a simetria da composição e as referências à cultura popular brasileira. A obra também representa a valorização do trabalho e da cultura popular brasileira, ao mesmo tempo em que faz uma crítica à desigualdade social e à falta de planejamento urbano nas cidades brasileiras.

Related video of o vendedor de frutas tarsila do amaral

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait