O Que São Articuladores Textuais?

Reza October 26, 2022
Articuladores textuais Encontre a combinação

Os articuladores textuais, também conhecidos como conectores ou marcadores discursivos, são elementos que servem para conectar diferentes partes de um texto, estabelecendo relações de sentido entre elas. Eles são fundamentais para garantir a coesão e a coerência do texto, ou seja, para que as ideias sejam apresentadas de forma clara e organizada.

Tipos de articuladores textuais

Existem diferentes tipos de articuladores textuais, cada um com sua função específica. Alguns dos principais são:

Conjunções

São palavras que ligam duas orações ou termos de mesmo valor sintático, estabelecendo uma relação de coordenação ou subordinação. Exemplos:

  • Coordenativas: e, mas, ou, nem, porém, contudo, todavia.
  • Subordinativas: que, enquanto, porque, como, se, embora, ainda que, mesmo que.

Advérbios

São palavras que modificam o sentido de um verbo, de um adjetivo ou de outro advérbio. Eles podem indicar tempo, lugar, modo, intensidade, entre outras ideias. Exemplos:

  • Temporais: depois, antes, agora, logo, então.
  • Lugares: aqui, ali, lá, acima, abaixo.
  • Modos: assim, como, bem, mal, depressa.
  • Intensidade: muito, pouco, bastante, quase, apenas.

Pronomes

São palavras que substituem o nome de uma pessoa, objeto ou ideia, evitando a repetição desnecessária. Eles podem ser pessoais, possessivos, demonstrativos, relativos, entre outros. Exemplos:

  • Pessoais: eu, tu, ele, nós, vós, eles.
  • Possessivos: meu, teu, seu, nosso, vosso, seu.
  • Demonstrativos: este, esse, aquele, isto, isso, aquilo.
  • Relativos: que, quem, onde, cujo, quanto.

Preposições

São palavras que estabelecem uma relação de sentido entre dois termos, indicando a posição, direção, origem, destino, meio, entre outras ideias. Exemplos:

For more information, please click the button below.
  • Locais: em, sobre, abaixo, acima, dentro, fora.
  • Temporais: durante, desde, até, de, para.
  • Causais: por, devido a, graças a, em virtude de.
  • Instrumentais: com, sem, mediante, por meio de.

Exemplos de uso dos articuladores textuais

Confira a seguir alguns exemplos de como os articuladores textuais podem ser utilizados para estabelecer relações de sentido entre as partes de um texto.

Exemplo 1

Texto sem articuladores:

Hoje eu fui ao mercado. Comprei pão, queijo, presunto e leite. Cheguei em casa e fiz um sanduíche.

Texto com articuladores:

Hoje eu fui ao mercado e comprei pão, queijo, presunto e leite. Depois, cheguei em casa e fiz um sanduíche.

Nesse exemplo, os conectores “e” e “depois” foram utilizados para ligar as ideias do texto, estabelecendo uma ordem cronológica dos acontecimentos.

Exemplo 2

Texto sem articuladores:

Eu gosto de assistir filmes. O meu filme preferido é “O Poderoso Chefão”. Eu assisti a esse filme diversas vezes.

Texto com articuladores:

Eu gosto de assistir filmes e o meu preferido é “O Poderoso Chefão”. Já assisti a esse filme diversas vezes.

Nesse exemplo, o conector “e” foi utilizado para ligar as duas primeiras ideias do texto, estabelecendo uma relação de adição. Já o advérbio “já” foi utilizado para indicar uma ideia de tempo, estabelecendo a relação de sequência temporal.

Conclusão

Os articuladores textuais são elementos fundamentais para garantir a coesão e a coerência de um texto. Eles ajudam a estabelecer relações de sentido entre as diferentes partes do texto, permitindo que as ideias sejam apresentadas de forma clara e organizada. Existem diferentes tipos de articuladores textuais, cada um com sua função específica, e é importante saber utilizá-los de forma adequada para que o texto tenha um bom resultado.

FAQs

1. Qual é a diferença entre coesão e coerência?

Coesão e coerência são dois conceitos fundamentais para a produção de um texto. A coesão diz respeito à conexão entre as diferentes partes do texto, ou seja, à forma como as palavras, frases e parágrafos são articulados para formar um todo coeso. Já a coerência diz respeito à lógica das ideias apresentadas no texto, ou seja, à forma como elas se relacionam para formar um sentido global.

2. Quais são os principais erros relacionados ao uso de articuladores textuais?

Alguns dos principais erros relacionados ao uso de articuladores textuais incluem:

  • Uso excessivo ou inadequado de conectores, que pode tornar o texto confuso e pouco claro;
  • Falta de variedade nos conectores utilizados, o que pode tornar o texto repetitivo e monótono;
  • Uso de conectores que não estabelecem relações de sentido adequadas entre as partes do texto;
  • Falta de coesão entre as diferentes partes do texto, o que pode torná-lo fragmentado e difícil de compreender.

3. Como posso melhorar o uso de articuladores textuais nos meus textos?

Para melhorar o uso de articuladores textuais nos seus textos, é importante:

  • Conhecer os diferentes tipos de conectores e suas funções específicas;
  • Procurar variar os conectores utilizados, para evitar repetições desnecessárias;
  • Pensar cuidadosamente sobre a relação de sentido que se deseja estabelecer entre as diferentes partes do texto;
  • Revisar o texto com atenção, verificando se os conectores foram utilizados de forma adequada e se o texto apresenta uma boa coesão e coerência.

Related video of o que é articuladores textuais

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait