O Que É Agostinismo Político?

Reza December 15, 2022
(PDF) O Agostinismo Político Como Discurso Carolline Soares

O Agostinismo político é uma corrente filosófica que tem como base os ensinamentos do bispo e filósofo cristão Santo Agostinho de Hipona. Essa corrente tem como objetivo aplicar os princípios cristãos à política, buscando a construção de uma sociedade justa e harmônica.

Origem do Agostinismo político

O Agostinismo político surgiu a partir dos escritos de Santo Agostinho, que viveu no final do século IV e início do século V. Ele foi um dos principais pensadores cristãos da época e deixou uma vasta obra que aborda diversas questões filosóficas e teológicas.

No que diz respeito à política, Santo Agostinho defendia que o Estado deveria ser uma instituição que promovesse a justiça e o bem comum. Ele considerava que o poder político deveria estar a serviço da verdade e do amor, e não apenas dos interesses particulares dos governantes.

Além disso, Santo Agostinho acreditava que a autoridade política deveria ser exercida de forma responsável e prudente, sempre tendo em vista o bem-estar do povo. Ele também defendia que o poder temporal deveria estar subordinado ao poder espiritual, ou seja, à Igreja.

Principais ideias do Agostinismo político

Algumas das principais ideias do Agostinismo político são:

  • A política deve estar a serviço da justiça e do bem comum;
  • O poder político deve ser exercido de forma responsável e prudente;
  • A autoridade temporal deve estar subordinada à autoridade espiritual;
  • O Estado deve promover a virtude e combater o vício;
  • O amor e a verdade devem guiar a ação política;
  • A lei deve ser justa e estar de acordo com a lei divina;
  • A política deve buscar a paz e a concórdia entre os povos;
  • O poder político deve respeitar a dignidade humana e os direitos fundamentais.

Agostinismo político na Idade Média

O Agostinismo político exerceu uma grande influência na Idade Média, especialmente entre os pensadores cristãos. Nesse período, a Igreja Católica era uma das principais instituições políticas e sociais, e muitos teólogos e filósofos buscavam conciliar os princípios cristãos com as instituições políticas da época.

For more information, please click the button below.

Um dos principais representantes do Agostinismo político na Idade Média foi São Tomás de Aquino, que foi influenciado pelos ensinamentos de Santo Agostinho em sua obra. São Tomás defendia que o Estado deveria estar a serviço da justiça e do bem comum, e que o poder político deveria ser exercido de forma responsável e prudente.

Além disso, São Tomás também defendia que a lei deveria ser justa e estar de acordo com a lei divina, e que a autoridade temporal deveria estar subordinada à autoridade espiritual. Essas ideias foram incorporadas aos princípios políticos da Igreja Católica e exerceram uma grande influência na Europa durante a Idade Média.

Agostinismo político na atualidade

O Agostinismo político ainda é uma corrente filosófica relevante na atualidade, embora tenha perdido parte de sua influência em relação a outros movimentos políticos. Muitos teólogos e filósofos cristãos continuam a defender os princípios do Agostinismo político, buscando aplicá-los às questões políticas e sociais contemporâneas.

Hoje em dia, o Agostinismo político é muitas vezes associado à defesa dos direitos humanos, da justiça social e da paz. Muitos defensores do Agostinismo político acreditam que a política deve estar a serviço do bem comum, e que o poder político deve ser exercido de forma responsável e prudente.

Conclusão

O Agostinismo político é uma corrente filosófica que busca aplicar os princípios cristãos à política, buscando a construção de uma sociedade justa e harmônica. Essa corrente tem suas origens nos ensinamentos de Santo Agostinho, que defendia que o Estado deveria estar a serviço da verdade e do amor, e que o poder político deveria ser exercido de forma responsável e prudente.

O Agostinismo político exerceu uma grande influência na Idade Média, especialmente entre os pensadores cristãos. Hoje em dia, essa corrente ainda é relevante, embora tenha perdido parte de sua influência em relação a outros movimentos políticos.

FAQs

O Agostinismo político é uma corrente exclusivamente cristã?

Sim, o Agostinismo político tem como base os ensinamentos do cristianismo, especialmente os ensinamentos de Santo Agostinho. No entanto, muitos dos princípios defendidos pelo Agostinismo político, como a defesa dos direitos humanos e da justiça social, são compartilhados por outras correntes filosóficas e políticas.

É possível aplicar os princípios do Agostinismo político em um Estado secular?

Sim, muitos defensores do Agostinismo político acreditam que os princípios dessa corrente podem ser aplicados em qualquer contexto político, independentemente da religião oficial do Estado. No entanto, é importante lembrar que o Agostinismo político tem como base os ensinamentos do cristianismo, e que algumas das suas ideias podem não ser aceitas por pessoas de outras crenças religiosas.

O Agostinismo político é uma corrente conservadora?

O Agostinismo político não pode ser classificado como uma corrente política conservadora ou progressista, já que seus princípios transcendem essas categorias. No entanto, alguns defensores do Agostinismo político podem ter posições políticas conservadoras em relação a certas questões, enquanto outros podem ter posições progressistas. O importante é lembrar que o Agostinismo político busca promover a justiça e o bem comum, independentemente das posições políticas específicas de cada pessoa.

Related video of o que é agostinismo politico

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait