O Preço Do Amanhã – Resenha

Reza November 16, 2021
Resenha do filme o preço do amanhã StuDocu

Introdução

“O Preço do Amanhã” é um filme de ficção científica lançado em 2011, dirigido por Andrew Niccol e estrelado por Justin Timberlake e Amanda Seyfried. O filme apresenta uma visão futurista do mundo em que as pessoas param de envelhecer aos 25 anos e, a partir daí, precisam comprar tempo para viver mais. A história segue Will Salas, um trabalhador que vive no limite do tempo e, após ajudar um homem rico, recebe uma grande quantidade de tempo que o coloca na mira dos poderosos.

Enredo

O filme começa apresentando a premissa do mundo em que as pessoas param de envelhecer aos 25 anos e, a partir daí, precisam comprar tempo para viver mais. O tempo é a moeda de troca da sociedade e a única maneira de conseguir mais é trabalhando ou roubando. Will Salas, interpretado por Justin Timberlake, é um trabalhador que vive no limite do tempo, lutando para sobreviver a cada dia.

Um dia, Will conhece um homem rico que está cansado de viver e decide doar todo o seu tempo para Will antes de se suicidar. Com uma grande quantidade de tempo, Will decide ir para uma área mais rica da cidade, onde pode viver uma vida melhor. Lá, ele conhece Sylvia Weis, interpretada por Amanda Seyfried, filha de um magnata que controla a maior empresa de tempo do mundo.

Quando um grupo de ladrões tenta roubar o tempo de Will, ele e Sylvia fogem para uma área pobre da cidade. Lá, eles encontram um grupo de rebeldes que lutam contra o sistema injusto de distribuição de tempo. Will se junta à luta e, juntos, eles planejam um grande roubo para acabar com o sistema de controle de tempo.

Análise

“O Preço do Amanhã” apresenta uma visão intrigante e perturbadora do futuro. A ideia de que o tempo se torna uma moeda de troca é fascinante e a maneira como a sociedade é dividida entre ricos e pobres com base em quanto tempo têm é assustadora. O filme também aborda questões sociais relevantes, como a desigualdade de renda, o poder das grandes empresas e a luta dos oprimidos contra o sistema.

A atuação de Justin Timberlake e Amanda Seyfried é sólida, mas o destaque do filme é a direção de Andrew Niccol. Ele cria um mundo visualmente impressionante, com cenários futuristas e efeitos visuais impressionantes. A trilha sonora também é excelente e ajuda a criar a atmosfera de suspense e tensão do filme.

For more information, please click the button below.

No entanto, o filme tem algumas falhas. A história é previsível em alguns momentos e a resolução do conflito final é um pouco simplista. Além disso, alguns personagens são subutilizados e poderiam ter sido mais desenvolvidos.

Conclusão

“O Preço do Amanhã” é um filme interessante e envolvente, com uma visão fascinante do futuro e questões sociais relevantes. Embora tenha algumas falhas, a direção de Andrew Niccol e a atuação de Justin Timberlake e Amanda Seyfried fazem valer a pena assistir o filme.

FAQs

1. Qual é a premissa de “O Preço do Amanhã”?

O filme apresenta uma visão futurista do mundo em que as pessoas param de envelhecer aos 25 anos e, a partir daí, precisam comprar tempo para viver mais. O tempo é a moeda de troca da sociedade e a única maneira de conseguir mais é trabalhando ou roubando.

2. Quem são os personagens principais do filme?

Os personagens principais são Will Salas, interpretado por Justin Timberlake, Sylvia Weis, interpretada por Amanda Seyfried, e o pai de Sylvia, um magnata que controla a maior empresa de tempo do mundo.

3. Quais são as questões sociais abordadas em “O Preço do Amanhã”?

O filme aborda questões como desigualdade de renda, o poder das grandes empresas e a luta dos oprimidos contra o sistema.

Related video of o preço do amanhã resenha

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait