O Homem Que Falava Javanês

Reza February 27, 2023
Ebook O HOMEM QUE SABIA JAVANÊS EBOOK de LIMA BARRETO Casa del Libro

Introdução

“O Homem que Falava Javanês” é um conto do escritor brasileiro Lima Barreto. O conto foi publicado em 1911 e faz parte da coletânea “Vida e Morte de M. J. Gonzaga de Sá”. O conto é uma crítica social que retrata a vida de um homem que, apesar de não ter frequentado a escola, aprendeu a falar javanês.

O enredo do conto

O conto começa com a apresentação de um homem chamado Raimundo Silva. Raimundo é um trabalhador braçal que vive em uma casa humilde com sua esposa e filhos. Ele é conhecido na comunidade por ser uma pessoa inteligente e curiosa, mesmo sem ter frequentado a escola. Um dia, Raimundo conhece um homem javanês em um mercado. Raimundo fica fascinado com a língua e a cultura javanesa e decide aprender a falar a língua. Ele passa anos estudando e praticando a língua, até que se torna fluente. Raimundo começa a ensinar javanês para outras pessoas e logo se torna famoso por sua habilidade. Ele é convidado para dar palestras e até mesmo para viajar para a Indonésia, onde finalmente conhece os javaneses e aprende mais sobre a cultura. Porém, apesar de sua habilidade com a língua, Raimundo ainda é um trabalhador braçal e não consegue escapar da pobreza. Ele é ridicularizado por algumas pessoas da comunidade, que o chamam de louco por falar uma língua tão exótica. No final do conto, Raimundo morre de tristeza e desilusão, sem ter conseguido realizar seu sonho de se tornar um intelectual respeitado.

A crítica social em “O Homem que Falava Javanês”

O conto “O Homem que Falava Javanês” faz uma crítica social à sociedade brasileira do início do século XX. Lima Barreto retrata a vida de um homem inteligente e curioso que é impedido de progredir por causa de sua origem humilde e falta de educação formal. A história de Raimundo Silva mostra como a falta de oportunidades e acesso à educação pode impedir que pessoas talentosas e inteligentes atinjam seu potencial máximo. Raimundo é um exemplo de como a desigualdade social pode limitar o desenvolvimento humano. Além disso, o conto também critica a sociedade brasileira por seu preconceito e falta de valorização da cultura e das línguas estrangeiras. Raimundo é ridicularizado por algumas pessoas da comunidade por falar javanês, mostrando como a ignorância e a intolerância podem impedir o desenvolvimento cultural e intelectual.

Conclusão

“O Homem que Falava Javanês” é um conto poderoso e comovente que retrata a vida de um homem talentoso e curioso que é impedido de progredir por causa da falta de oportunidades e educação. O conto faz uma crítica social à desigualdade e preconceito presentes na sociedade brasileira do início do século XX. O personagem de Raimundo Silva é um exemplo de como a falta de acesso à educação pode limitar o desenvolvimento humano. Além disso, o conto também mostra como a ignorância e a intolerância podem impedir o desenvolvimento cultural e intelectual.

FAQs

1. Qual é a mensagem principal de “O Homem que Falava Javanês”?

A mensagem principal do conto é uma crítica social à desigualdade e preconceito presentes na sociedade brasileira do início do século XX. O personagem de Raimundo Silva é um exemplo de como a falta de acesso à educação pode limitar o desenvolvimento humano. Além disso, o conto também mostra como a ignorância e a intolerância podem impedir o desenvolvimento cultural e intelectual.

2. Por que Raimundo Silva é ridicularizado por algumas pessoas da comunidade?

Raimundo Silva é ridicularizado por algumas pessoas da comunidade por falar javanês. O conto mostra como a ignorância e a intolerância podem impedir o desenvolvimento cultural e intelectual. Além disso, o conto também critica a sociedade brasileira por seu preconceito e falta de valorização da cultura e das línguas estrangeiras.

For more information, please click the button below.

3. Qual é a importância de “O Homem que Falava Javanês” para a literatura brasileira?

“O Homem que Falava Javanês” é um conto poderoso e comovente que retrata a vida de um homem talentoso e curioso que é impedido de progredir por causa da falta de oportunidades e educação. O conto faz uma crítica social à desigualdade e preconceito presentes na sociedade brasileira do início do século XX. A obra é importante para a literatura brasileira por mostrar a realidade social e cultural do país na época e por fazer uma crítica contundente às desigualdades e preconceitos presentes na sociedade.

Related video of o homem que falava javanês

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait