O Gene Autossômico Que Condiciona Pelos Curtos

Reza October 17, 2021
Genética

Os pelos curtos em animais domésticos são uma característica bastante desejada por muitos proprietários. No entanto, você sabia que essa característica é determinada por um gene autossômico? Neste artigo, vamos explicar o que é um gene autossômico e como ele condiciona os pelos curtos em animais.

O que é um gene autossômico?

Um gene autossômico é um gene que está localizado em um dos 22 pares de cromossomos não sexuais, ou seja, não é um gene ligado ao sexo do indivíduo. Esse tipo de gene é transmitido igualmente pelos pais e pode ser expresso tanto em homens quanto em mulheres.

Os genes autossômicos são responsáveis por determinar diversas características dos indivíduos, como cor dos olhos, cor da pele, tipo sanguíneo, entre outras. Eles podem ser dominantes ou recessivos, o que significa que a presença ou ausência de uma característica pode depender da combinação dos alelos herdados dos pais.

Como os pelos curtos são condicionados por um gene autossômico?

Em animais domésticos, como cães e gatos, a característica de pelos curtos é determinada por um gene autossômico dominante. Isso significa que basta um dos alelos do gene ser do tipo “pelos curtos” para que a característica seja expressa no indivíduo.

Os alelos desse gene são representados pelas letras S (pelos curtos) e s (pelos longos). Um animal pode ter dois alelos iguais (SS ou ss) ou dois alelos diferentes (Ss), sendo que a presença do alelo S é suficiente para a expressão da característica de pelos curtos.

Os filhotes de um animal com alelos SS ou Ss terão pelos curtos, enquanto os filhotes de um animal com alelos ss terão pelos longos. Quando dois animais heterozigotos (Ss) são cruzados, há uma chance de 25% de que um filhote seja homozigoto recessivo (ss) e, portanto, tenha pelos longos.

For more information, please click the button below.

Como é possível identificar se um animal tem o gene para pelos curtos?

Para identificar se um animal tem o gene para pelos curtos, é necessário fazer um teste genético. Esse teste pode ser feito através de uma amostra de sangue ou saliva do animal, que é enviada para um laboratório especializado em análise genética.

O teste genético irá identificar os alelos presentes no gene autossômico que condiciona pelos curtos. Se o animal tiver pelo menos um alelo S, ele terá pelos curtos. Se o animal tiver dois alelos s, ele terá pelos longos.

Quais são as implicações do gene autossômico que condiciona pelos curtos?

O gene autossômico que condiciona pelos curtos tem implicações tanto para os proprietários de animais quanto para os criadores. Para os proprietários, a presença do gene para pelos curtos pode significar menos tempo gasto com a higiene e cuidado dos pelos do animal, já que os pelos curtos são mais fáceis de cuidar.

Já para os criadores, a presença do gene para pelos curtos pode ser uma característica desejável, dependendo da raça do animal. No entanto, é importante lembrar que a seleção de animais com base em uma única característica pode levar a problemas de saúde e bem-estar animal, por isso é importante que os criadores considerem diversos fatores na hora de selecionar animais para reprodução.

Conclusão

O gene autossômico que condiciona pelos curtos é responsável por determinar uma característica bastante desejada por muitos proprietários de animais domésticos. Esse gene é autossômico dominante, o que significa que a presença de pelo menos um alelo S é suficiente para a expressão da característica de pelos curtos. É possível identificar se um animal tem o gene para pelos curtos através de um teste genético, que irá identificar os alelos presentes no gene. No entanto, é importante lembrar que a seleção de animais com base em uma única característica pode levar a problemas de saúde e bem-estar animal.

FAQs

1. Todos os animais com pelos curtos têm o gene autossômico dominante?

Nem todos os animais com pelos curtos têm o gene autossômico dominante. Existem diversas raças de animais que têm pelos curtos por outras razões, como seleção artificial ou adaptação ao clima.

2. É possível que um animal tenha dois alelos S e ainda assim tenha pelos longos?

Não, se um animal tiver dois alelos S, ele terá pelos curtos. A presença de dois alelos iguais, sejam eles SS ou ss, determina a expressão da característica.

3. A seleção de animais com base em uma única característica pode levar a problemas de saúde em animais?

Sim, a seleção de animais com base em uma única característica pode levar a problemas de saúde em animais. Isso porque, ao selecionar animais com base em uma única característica, outros fatores que são importantes para a saúde e bem-estar do animal podem ser deixados de lado. Por exemplo, a seleção de cães com focinhos curtos pode levar a problemas respiratórios, enquanto a seleção de gatos com pernas curtas pode levar a problemas na coluna vertebral.

Related video of o gene autossômico que condiciona pelos curtos

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait