Mapa Mental Sobre Blocos Econômicos

Reza January 11, 2022
Mapa mental Blocos econômicos

Um mapa mental é uma ferramenta visual que ajuda a organizar informações e ideias de forma clara e concisa. No contexto dos blocos econômicos, um mapa mental pode ser útil para entender a complexidade das relações comerciais entre os países membros, bem como as oportunidades e desafios que surgem a partir dessas relações.

O que é um bloco econômico?

Um bloco econômico é uma organização formada por países que buscam estreitar laços econômicos e comerciais entre si. Eles podem ter diferentes objetivos, como aumentar o comércio entre os membros, harmonizar políticas econômicas, promover a cooperação em áreas como ciência e tecnologia, e fortalecer a posição dos membros nas negociações internacionais.

Tipos de blocos econômicos

Existem diferentes tipos de blocos econômicos, cada um com suas próprias características e objetivos:

  • Zona de livre comércio: é um acordo entre países que elimina as tarifas e barreiras não-tarifárias sobre o comércio entre eles. No entanto, cada país mantém sua própria política comercial em relação a países que não fazem parte do acordo. Exemplos incluem o NAFTA (Acordo de Livre Comércio da América do Norte) e a APEC (Cooperação Econômica Ásia-Pacífico).
  • União aduaneira: além de eliminar as tarifas e barreiras não-tarifárias, os países membros adotam uma política comercial comum em relação a países que não fazem parte do acordo. Isso significa que eles negociam em conjunto acordos comerciais com outros países. Exemplos incluem o Mercosul (Mercado Comum do Sul) e a União Europeia.
  • Mercado comum: além das características da união aduaneira, os países membros também permitem a livre circulação de pessoas, bens, serviços e capitais entre si. Exemplos incluem o Mercosul e a União Europeia.
  • União econômica e monetária: além das características do mercado comum, os países membros adotam políticas econômicas e monetárias comuns. Isso pode incluir a adoção de uma moeda única, como o euro na União Europeia. Exemplos de uniões econômicas incluem a União Europeia e a União Africana.

Blocos econômicos no mundo

Existem muitos blocos econômicos em todo o mundo, com diferentes graus de integração e diferentes objetivos:

  • União Europeia: fundada em 1957, a UE é uma união aduaneira e mercado comum que atualmente tem 27 membros. Além do livre comércio e livre circulação de pessoas, bens, serviços e capitais, a UE também tem uma política externa comum e uma moeda única, o euro.
  • Mercosul: fundado em 1991, o Mercosul é uma união aduaneira composta por Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. A Venezuela foi suspensa em 2016 e o processo de adesão da Bolívia está em andamento. Seus objetivos incluem a promoção do comércio entre os membros, a livre circulação de pessoas e a coordenação de políticas econômicas.
  • Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN): fundada em 1967, a ASEAN é uma zona de livre comércio composta por dez países do sudeste asiático. Seus objetivos incluem a promoção do comércio entre os membros, a cooperação em áreas como ciência e tecnologia, e a coordenação em questões políticas e de segurança.
  • Acordo de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA): fundado em 1994, o NAFTA é uma zona de livre comércio composta por Canadá, Estados Unidos e México. Seus objetivos incluem a promoção do comércio entre os membros e a harmonização de políticas comerciais.
  • Acordo Transpacífico de Cooperação Econômica (TPP): assinado em 2016, o TPP é uma zona de livre comércio composta por 12 países do Pacífico, incluindo os Estados Unidos, Japão, Austrália, Canadá e México. No entanto, os Estados Unidos se retiraram do acordo em 2017.

Vantagens e desvantagens dos blocos econômicos

Os blocos econômicos podem oferecer várias vantagens para seus membros, como:

  • Maior acesso ao mercado: os membros podem se beneficiar de tarifas mais baixas e barreiras não-tarifárias reduzidas, o que pode aumentar o comércio entre eles.
  • Maior poder de negociação: os membros podem negociar em conjunto acordos comerciais com outros países, o que pode aumentar sua influência nas negociações internacionais.
  • Integração regional: os membros podem cooperar em áreas como infraestrutura, energia, meio ambiente e segurança, o que pode melhorar a qualidade de vida das pessoas na região.
  • Fortalecimento da democracia: a cooperação econômica pode ajudar a estabilizar as relações políticas entre os membros, o que pode levar a uma maior estabilidade política e democracia.

No entanto, os blocos econômicos também apresentam desvantagens, como:

For more information, please click the button below.
  • Perda de soberania: os membros podem ter que abrir mão de parte de sua autonomia em relação à política comercial e econômica.
  • Desigualdades entre os membros: os membros podem ter diferentes níveis de desenvolvimento econômico, o que pode levar a desigualdades no benefício dos acordos comerciais.
  • Concorrência entre os membros: os membros podem competir entre si em determinados setores, o que pode levar a tensões comerciais e disputas.
  • Dependência econômica: os membros podem ficar muito dependentes uns dos outros em termos de comércio e investimento, o que pode ser uma vulnerabilidade em tempos de crise econômica.

Conclusão

Os blocos econômicos são uma importante ferramenta para a cooperação e integração econômica entre os países membros. Eles podem oferecer muitas vantagens, como maior acesso ao mercado e maior poder de negociação, mas também apresentam desvantagens, como perda de soberania e desigualdades entre os membros. É importante avaliar cuidadosamente as oportunidades e desafios de cada bloco econômico antes de tomar uma decisão sobre a adesão.

FAQs

1. Qual é o maior bloco econômico do mundo?

O maior bloco econômico do mundo é a União Europeia, que atualmente tem 27 membros e um PIB combinado de mais de 15 trilhões de dólares.

2. Quais são as diferenças entre uma união aduaneira e um mercado comum?

Uma união aduaneira elimina as tarifas e barreiras não-tarifárias entre os membros e adota uma política comercial comum em relação a países que não fazem parte do acordo. Um mercado comum tem as mesmas características da união aduaneira, mas também permite a livre circulação de pessoas, bens, serviços e capitais entre os membros.

3. Quais são as vantagens e desvantagens de aderir a um bloco econômico?

As vantagens de aderir a um bloco econômico incluem maior acesso ao mercado, maior poder de negociação, integração regional e fortalecimento da democracia. As desvantagens incluem perda de soberania, desigual

Related video of mapa mental sobre blocos econômicos

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait