Escreva Com Algarismos Indo Arábicos

Reza February 21, 2022
escreva,usando algarismo indo arábicos, cada um dos números decimal a

Os algarismos indo arábicos são os números que utilizamos no nosso dia a dia, como 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9. Eles foram desenvolvidos na Índia e foram introduzidos ao mundo ocidental pelos árabes no século IX. Eles são chamados de indo arábicos porque foram criados na Índia, mas foram popularizados pelos árabes.

Escrever com algarismos indo arábicos é algo que fazemos naturalmente, mas é importante lembrar que existem regras a serem seguidas para garantir a sua correta utilização.

Regras para escrever com algarismos indo arábicos

Existem algumas regras para escrever com algarismos indo arábicos que devem ser seguidas para garantir a sua correta utilização. Veja abaixo:

1. Utilize algarismos indo arábicos para números de um a nove

Os números de um a nove devem ser escritos com algarismos indo arábicos. Exemplos:

  • Eu tenho três filhos.
  • Comprei cinco maçãs na feira.

2. Utilize algarismos indo arábicos para números compostos

Os números compostos devem ser escritos com algarismos indo arábicos. Exemplos:

  • O evento contou com 25 participantes.
  • Meu sobrinho tem 13 anos.

3. Utilize algarismos indo arábicos para números decimais

Os números decimais devem ser escritos com algarismos indo arábicos. Exemplos:

For more information, please click the button below.
  • O preço do litro da gasolina está R$4,29.
  • Meu carro faz em média 11,5 km por litro.

4. Utilize algarismos indo arábicos em datas e horas

As datas e horas devem ser escritas com algarismos indo arábicos. Exemplos:

  • Hoje é dia 15 de maio.
  • Vamos nos encontrar às 10h.

5. Utilize algarismos indo arábicos para números grandes

Os números grandes devem ser escritos com algarismos indo arábicos. Exemplos:

  • A população de São Paulo é de mais de 12 milhões de habitantes.
  • O valor da dívida é de R$1.500.000,00.

Quando não utilizar algarismos indo arábicos?

Embora os algarismos indo arábicos sejam amplamente utilizados, há momentos em que eles não devem ser utilizados. Veja abaixo:

1. Quando o número é escrito por extenso

Se você estiver escrevendo um texto e quiser escrever um número por extenso, não utilize algarismos indo arábicos. Exemplo:

  • Eu tenho quatro irmãos.

2. Em títulos e subtítulos

Em títulos e subtítulos, é comum utilizar palavras em vez de algarismos indo arábicos. Exemplo:

  • Dez coisas que você precisa saber antes de viajar.

3. Em números ordinais

Os números ordinais (primeiro, segundo, terceiro, etc.) devem ser escritos por extenso, em vez de utilizar algarismos indo arábicos. Exemplo:

  • Ele ficou em primeiro lugar na competição.

Conclusão

Escrever com algarismos indo arábicos é algo que fazemos naturalmente, mas é importante lembrar que existem regras a serem seguidas para garantir a sua correta utilização. Utilize algarismos indo arábicos para números de um a nove, números compostos, números decimais, datas e horas e números grandes. Evite utilizar algarismos indo arábicos em números escritos por extenso, títulos e subtítulos e números ordinais.

FAQs

1. Posso utilizar algarismos indo arábicos em um texto literário?

Sim, você pode utilizar algarismos indo arábicos em um texto literário. No entanto, é importante lembrar que em alguns casos pode ser mais apropriado utilizar números por extenso.

2. É correto utilizar algarismos indo arábicos em um convite de casamento?

Sim, é correto utilizar algarismos indo arábicos em um convite de casamento. No entanto, lembre-se de que o estilo e a formalidade do convite podem influenciar na decisão de utilizar algarismos ou escrever os números por extenso.

3. É possível utilizar algarismos indo arábicos em uma redação do ENEM?

Sim, é possível utilizar algarismos indo arábicos em uma redação do ENEM. No entanto, lembre-se de que a clareza e a coesão do texto são mais importantes do que a utilização correta dos algarismos.

Related video of escreva com algarismos indo arábicos

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait