Eis Que Vejo Os Céus Abertos

Reza March 10, 2023
Jezer Altamir ferreira Eis que vejo os céu abertos YouTube

“Eis que vejo os céus abertos” é uma frase bíblica que está presente no livro de Atos dos Apóstolos, capítulo 7, versículo 56. Essa expressão é utilizada por Estêvão, um dos primeiros diáconos da igreja cristã, momentos antes de ser apedrejado até a morte. Mas o que significa essa frase e qual é a sua importância?

Significado da frase

A expressão “eis que vejo os céus abertos” pode ser entendida como uma visão de Estêvão do céu se abrindo e Jesus Cristo aparecendo para ele. Essa visão é considerada uma revelação divina, em que Estêvão testemunha a glória de Deus e a redenção através de Jesus Cristo.

Essa visão é um momento importante na história da igreja cristã, pois marca a primeira aparição de Jesus Cristo depois da sua ascensão aos céus. Além disso, a visão de Estêvão é um testemunho da verdade do evangelho e da vida eterna através de Jesus Cristo.

Contexto histórico

Para entender o contexto histórico da frase “eis que vejo os céus abertos”, é necessário olhar para o livro de Atos dos Apóstolos como um todo. O livro de Atos foi escrito por Lucas, o mesmo autor do Evangelho de Lucas, e narra a história dos primeiros cristãos e da expansão do cristianismo.

No capítulo 6 de Atos, a igreja de Jerusalém estava crescendo rapidamente e havia uma necessidade de escolher sete homens para o trabalho de assistência social, para que os apóstolos pudessem se dedicar à oração e ao ensino da palavra de Deus. Estêvão foi um dos escolhidos para esse trabalho e se destacou como um pregador poderoso.

No capítulo 7 de Atos, Estêvão é levado perante o Sinédrio, o conselho judaico, para responder às acusações de blasfêmia contra Deus e contra Moisés. Em seu discurso, Estêvão narra a história do povo de Israel, desde Abraão até Moisés, e acusa os líderes judeus de terem rejeitado os profetas e de terem traído e assassinado Jesus Cristo.

For more information, please click the button below.

Essas acusações enfureceram o Sinédrio e Estêvão foi apedrejado até a morte. Foi nesse contexto que Estêvão teve a visão de “eis que vejo os céus abertos”.

Importância da frase

A frase “eis que vejo os céus abertos” é importante por vários motivos. Em primeiro lugar, ela é uma confirmação da divindade de Jesus Cristo e da verdade do evangelho. A visão de Estêvão é uma prova de que Jesus Cristo ressuscitou e está vivo, e que a vida eterna é possível através dele.

Além disso, a visão de Estêvão é um exemplo de coragem e fé inabalável. Mesmo diante da morte iminente, Estêvão não recuou de sua fé em Jesus Cristo e testemunhou até o fim. Sua visão dos céus abertos é uma prova de que a morte não é o fim, mas apenas o começo da vida eterna em Cristo.

Conclusão

A frase “eis que vejo os céus abertos” é uma expressão bíblica que representa a visão de Estêvão do céu se abrindo e Jesus Cristo aparecendo para ele. Essa visão é uma revelação divina da glória de Deus e da redenção através de Jesus Cristo, e é um testemunho da verdade do evangelho e da vida eterna em Cristo.

A importância da frase está em sua confirmação da divindade de Jesus Cristo e da verdade do evangelho, além de ser um exemplo de coragem e fé inabalável diante da morte. A frase “eis que vejo os céus abertos” é uma mensagem de esperança e salvação para todos os cristãos.

FAQs

O que significa a expressão “eis que vejo os céus abertos”?

A expressão “eis que vejo os céus abertos” pode ser entendida como uma visão de Estêvão do céu se abrindo e Jesus Cristo aparecendo para ele. Essa visão é considerada uma revelação divina, em que Estêvão testemunha a glória de Deus e a redenção através de Jesus Cristo.

Quem foi Estêvão?

Estêvão foi um dos primeiros diáconos da igreja cristã, escolhido para o trabalho de assistência social em Jerusalém. Ele se destacou como um pregador poderoso e foi levado perante o Sinédrio para responder às acusações de blasfêmia contra Deus e contra Moisés. Em seu discurso, Estêvão narrou a história do povo de Israel e acusou os líderes judeus de terem rejeitado os profetas e de terem traído e assassinado Jesus Cristo. Ele foi apedrejado até a morte.

Qual é a importância da frase “eis que vejo os céus abertos”?

A frase “eis que vejo os céus abertos” é importante por vários motivos. Em primeiro lugar, ela é uma confirmação da divindade de Jesus Cristo e da verdade do evangelho. A visão de Estêvão é uma prova de que Jesus Cristo ressuscitou e está vivo, e que a vida eterna é possível através dele. Além disso, a visão de Estêvão é um exemplo de coragem e fé inabalável diante da morte.

Related video of eis que vejo os céus abertos

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait