Crise De 1929 Mapa Mental

Reza March 21, 2022
Mapa Mental de História Geral Crise de 1929 Historia ensino medio

A crise de 1929 foi um evento histórico que afetou não só os Estados Unidos, mas o mundo inteiro. Foi um período de grande instabilidade econômica que resultou na queda da Bolsa de Valores de Nova York e na quebra de muitos bancos e empresas. Um mapa mental pode ser uma ferramenta útil para entender as causas e consequências da crise de 1929.

O que é um mapa mental?

Um mapa mental é uma representação gráfica de ideias, conceitos e informações. É uma ferramenta visual que ajuda a organizar e conectar diferentes elementos de um assunto ou tema. Os mapas mentais geralmente têm um tópico central, com ramos que se estendem em direções diferentes para incluir ideias relacionadas. Eles podem incluir palavras-chave, imagens e símbolos para ajudar a destacar conceitos importantes.

Causas da Crise de 1929

  • Superprodução: As empresas produziam mais do que as pessoas podiam comprar. Isso levou a um excesso de estoque e preços baixos, o que reduziu os lucros das empresas.
  • Crédito fácil: Os bancos emprestavam dinheiro facilmente e a taxas de juros baixas. As pessoas e as empresas pegavam empréstimos para comprar mais bens e expandir seus negócios, mas muitos não podiam pagar esses empréstimos.
  • Especulação: Muitas pessoas investiram em ações com a esperança de ganhar dinheiro rápido. Isso levou a um aumento nos preços das ações, mesmo que as empresas por trás delas não estivessem lucrando.
  • Desigualdade econômica: A maioria das pessoas não tinha dinheiro suficiente para comprar bens de consumo, o que limitava o mercado para as empresas. A maioria dos lucros da década de 1920 foi para os ricos, o que piorou a desigualdade econômica e aumentou a instabilidade financeira.

Consequências da Crise de 1929

  • Desemprego: A crise resultou em um aumento significativo do desemprego. As empresas reduziram a produção e demitiram muitos trabalhadores, o que levou a uma queda no consumo e na produção.
  • Quebra de bancos e empresas: Muitos bancos e empresas faliram durante a crise, o que resultou em perdas financeiras para muitas pessoas.
  • Depressão econômica: A crise de 1929 levou a uma depressão econômica que durou muitos anos. A economia dos Estados Unidos e de muitos países do mundo demorou décadas para se recuperar.
  • Políticas governamentais: A crise levou a uma mudança nas políticas governamentais, com muitos países adotando políticas econômicas mais intervencionistas. O New Deal, implementado pelo presidente Franklin D. Roosevelt nos Estados Unidos, foi um exemplo de uma política governamental que tentou lidar com a crise através da intervenção do governo na economia.

Como um mapa mental pode ajudar a entender a crise de 1929?

Um mapa mental pode ajudar a organizar as causas e consequências da crise de 1929 de uma maneira visual e fácil de entender. Ele pode ajudar a destacar as conexões entre diferentes elementos e mostrar como eles se relacionam entre si. Por exemplo, um mapa mental pode mostrar como a especulação e o crédito fácil levaram à superprodução e à desigualdade econômica, o que por sua vez levou à queda da bolsa de valores e à depressão econômica.

Como fazer um mapa mental da crise de 1929?

Para fazer um mapa mental da crise de 1929, siga as seguintes etapas:

  1. Escolha um tópico central: O tópico central do mapa mental pode ser “Causas e Consequências da Crise de 1929”.
  2. Crie ramos: Crie ramos que se estendam do tópico central para incluir as principais causas e consequências da crise. Por exemplo, você pode ter ramos para “Superprodução”, “Crédito Fácil”, “Especulação”, “Desigualdade Econômica”, “Desemprego”, “Quebra de Bancos e Empresas”, “Depressão Econômica” e “Políticas Governamentais”.
  3. Adicione detalhes: Adicione palavras-chave, imagens e símbolos para cada ramo para ajudar a destacar as informações mais importantes. Por exemplo, você pode adicionar uma imagem de uma fábrica para o ramo “Superprodução” ou uma imagem de uma fila de desempregados para o ramo “Desemprego”.
  4. Conecte os ramos: Conecte os ramos para mostrar como as diferentes causas e consequências se relacionam entre si. Por exemplo, você pode mostrar como a especulação levou à superprodução, que por sua vez levou ao desemprego e à quebra de empresas.

Conclusão

A crise de 1929 foi um evento histórico que mudou o mundo para sempre. Um mapa mental pode ser uma ferramenta útil para entender as causas e consequências da crise, e como elas se conectam entre si. O uso de um mapa mental pode ajudar a organizar as informações de uma maneira visual e fácil de entender, permitindo uma compreensão mais profunda do assunto.

FAQs

1. Como a crise de 1929 afetou o mundo?

A crise de 1929 afetou o mundo inteiro, resultando em uma depressão econômica que durou muitos anos. Muitos países enfrentaram altas taxas de desemprego, quebra de bancos e empresas, e instabilidade econômica.

For more information, please click the button below.

2. Como o governo dos Estados Unidos lidou com a crise de 1929?

O governo dos Estados Unidos implementou o New Deal, que foi uma série de políticas econômicas que visavam lidar com a crise. O New Deal incluiu programas de obras públicas, reforma bancária e regulamentação do mercado de valores mobiliários.

3. Como a crise de 1929 mudou a maneira como as pessoas pensam sobre economia?

A crise de 1929 levou a uma mudança na maneira como as pessoas pensam sobre economia, com muitos países adotando políticas mais intervencionistas. A crise mostrou que o livre mercado não era capaz de regular a economia sozinho e que o governo precisava intervir para garantir a estabilidade econômica.

Related video of crise de 1929 mapa mental

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait