Calor Latente E Calor Sensível Exercícios

Reza March 27, 2023
EXERCÍCIOS CALOR SENSÍVEL E CALOR LATENTE YouTube

O estudo da termologia é fundamental para entender os fenômenos relacionados ao calor, temperatura e suas aplicações. Nesse sentido, dois conceitos importantes são o calor latente e o calor sensível.

Calor sensível

O calor sensível está relacionado à variação de temperatura de um corpo quando um calor é fornecido ou retirado dele. A quantidade de calor sensível necessária para elevar a temperatura de uma substância em um grau Celsius é chamada de capacidade térmica.

Um exemplo prático da aplicação do calor sensível é a utilização de uma panela para ferver água. Ao colocar água em uma panela e aquecê-la, sua temperatura aumenta gradativamente até atingir o ponto de ebulição, momento em que a água começa a evaporar. Nesse processo, a água recebeu calor sensível, que foi responsável por aumentar a sua temperatura.

Calor latente

Por sua vez, o calor latente está relacionado à mudança de estado físico de uma substância, como por exemplo, a fusão ou a solidificação de um sólido, ou a vaporização ou a condensação de um líquido. O calor latente é o calor que é necessário fornecer ou retirar de uma substância para que ocorra essa mudança de estado físico, sem que haja variação de temperatura.

Um exemplo prático da aplicação do calor latente é a utilização de um congelador para congelar água. Ao colocar água em um recipiente e levá-lo ao congelador, a água começa a solidificar, passando do estado líquido para o estado sólido. Nesse processo, o calor latente foi responsável por retirar o calor da água, sem que houvesse variação de temperatura.

Exercícios

Para fixar melhor os conceitos de calor latente e calor sensível, é importante realizar exercícios práticos. A seguir, serão apresentados alguns exercícios que podem ser realizados para compreender melhor esses conceitos:

For more information, please click the button below.

Exercício 1 – Determinação da capacidade térmica de um objeto

Para determinar a capacidade térmica de um objeto, é necessário aquecê-lo e medir a variação de temperatura que ocorre. Para isso, é necessário utilizar um termômetro e um objeto que possa ser aquecido, como por exemplo, uma panela com água.

  1. Coloque água em uma panela e aqueça-a em um fogão.
  2. Enquanto a água está aquecendo, meça a temperatura do objeto que será utilizado para determinar sua capacidade térmica.
  3. Quando a água atingir a temperatura de 80°C, coloque o objeto dentro da panela.
  4. Meça a temperatura do objeto a cada minuto, durante 5 minutos.
  5. Registre as temperaturas em uma tabela.
  6. Calcule a variação de temperatura do objeto para cada minuto.
  7. Calcule a capacidade térmica do objeto utilizando a fórmula Q = c . m . ΔT, onde Q é a quantidade de calor fornecida, c é a capacidade térmica, m é a massa do objeto e ΔT é a variação de temperatura.

Exercício 2 – Determinação do calor latente de fusão da água

Para determinar o calor latente de fusão da água, é necessário medir a quantidade de calor que é fornecida para que a água passe do estado sólido para o estado líquido.

  1. Coloque uma quantidade de gelo em um recipiente e meça a massa do gelo.
  2. Adicione água quente ao recipiente e meça a temperatura da água.
  3. Meça a temperatura da mistura a cada minuto, durante 5 minutos.
  4. Registre as temperaturas em uma tabela.
  5. Calcule a variação de temperatura da mistura para cada minuto.
  6. Calcule a quantidade de calor fornecida para a mistura utilizando a fórmula Q = m . L, onde Q é a quantidade de calor fornecida, m é a massa do gelo e L é o calor latente de fusão da água.

Conclusão

O estudo da termologia é fundamental para entender os fenômenos relacionados ao calor, temperatura e suas aplicações. Nesse sentido, dois conceitos importantes são o calor latente e o calor sensível. O calor sensível está relacionado à variação de temperatura de um corpo quando um calor é fornecido ou retirado dele, enquanto o calor latente está relacionado à mudança de estado físico de uma substância, como por exemplo, a fusão ou a solidificação de um sólido, ou a vaporização ou a condensação de um líquido. Para fixar melhor esses conceitos, é importante realizar exercícios práticos, como a determinação da capacidade térmica de um objeto e do calor latente de fusão da água.

FAQs

1. Qual a diferença entre calor sensível e calor latente?

O calor sensível está relacionado à variação de temperatura de um corpo quando um calor é fornecido ou retirado dele, enquanto o calor latente está relacionado à mudança de estado físico de uma substância, como por exemplo, a fusão ou a solidificação de um sólido, ou a vaporização ou a condensação de um líquido.

2. Como é possível determinar a capacidade térmica de um objeto?

Para determinar a capacidade térmica de um objeto, é necessário aquecê-lo e medir a variação de temperatura que ocorre. Para isso, é necessário utilizar um termômetro e um objeto que possa ser aquecido, como por exemplo, uma panela com água. Em seguida, deve-se calcular a capacidade térmica utilizando a fórmula Q = c . m . ΔT, onde Q é a quantidade de calor fornecida, c é a capacidade térmica, m é a massa do objeto e ΔT é a variação de temperatura.

3. Como é possível determinar o calor latente de fusão da água?

Para determinar o calor latente de fusão da água, é necessário medir a quantidade de calor que é fornecida para que a água passe do estado sólido para o estado líquido. Para isso, é necessário medir a massa do gelo e a temperatura da mistura formada pela água quente e o gelo. Em seguida, deve-se calcular a quantidade de calor fornecida para a mistura utilizando a fórmula Q = m . L, onde Q é a quantidade de calor fornecida, m é a massa do gelo e L é o calor latente de fusão da água.

Related video of calor latente e calor sensível exercícios

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait