Atribuições Privativas Do Assistente Social

Reza December 13, 2021
ART.5 constituem atribuições privativas do Assistente Social

O assistente social é um profissional que tem como objetivo principal promover o bem-estar social, a partir de ações que buscam garantir direitos e ampliar o acesso a serviços públicos. Essa é uma profissão regulamentada por lei, que estabelece as atribuições privativas do assistente social.

O que são atribuições privativas do assistente social?

As atribuições privativas do assistente social são aquelas que somente podem ser desempenhadas por profissionais com formação em serviço social, de acordo com a Lei nº 8.662/93, que regulamenta a profissão. Essas atribuições são definidas a partir do conhecimento teórico e prático adquirido durante a formação acadêmica do assistente social e têm como objetivo garantir a efetividade do trabalho desse profissional na promoção do bem-estar social.

Quais são as principais atribuições privativas do assistente social?

Entre as principais atribuições privativas do assistente social, podemos destacar:

  • Elaborar, coordenar, executar e avaliar políticas sociais e programas sociais;
  • Assessorar os órgãos da administração pública na formulação de políticas e programas sociais;
  • Realizar estudos socioeconômicos para identificar demandas e necessidades da população;
  • Prestar serviços sociais para indivíduos, famílias, grupos e comunidades;
  • Planejar, executar e avaliar planos, programas e projetos que visem o desenvolvimento comunitário;
  • Orientar e acompanhar pessoas em situação de vulnerabilidade social;
  • Realizar visitas domiciliares e institucionais;
  • Elaborar pareceres e laudos sociais;
  • Articular e mobilizar a sociedade civil para a defesa dos direitos sociais.

Qual a importância das atribuições privativas do assistente social?

As atribuições privativas do assistente social são fundamentais para garantir a efetividade do trabalho desse profissional na promoção do bem-estar social. A partir dessas atribuições, o assistente social tem condições de desempenhar um papel fundamental na garantia de direitos e na ampliação do acesso a serviços públicos, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da população.

Além disso, as atribuições privativas do assistente social garantem a valorização e a autonomia profissional, uma vez que estabelecem o campo de atuação exclusivo desse profissional. Isso significa que somente o assistente social tem a capacidade técnica e teórica para desempenhar essas funções, o que fortalece a profissão e a qualifica para atuar em diversas áreas do serviço social.

Quais são as áreas de atuação do assistente social?

O assistente social pode atuar em diversas áreas, como:

For more information, please click the button below.
  • Assistência social;
  • Políticas públicas;
  • Trabalho;
  • Educação;
  • Saúde;
  • Meio ambiente;
  • Justiça;
  • Cultura;
  • Combate à discriminação;
  • Entre outras.

Em cada uma dessas áreas, o assistente social desempenha um papel fundamental na promoção do bem-estar social, por meio das atribuições privativas estabelecidas por lei.

Quais são as competências necessárias para ser um bom assistente social?

Para desempenhar as atribuições privativas do assistente social com efetividade, é necessário que o profissional tenha algumas competências, como:

  • Conhecimento teórico e prático sobre as políticas sociais e sobre as demandas e necessidades da população;
  • Capacidade de planejamento, execução e avaliação de planos, programas e projetos sociais;
  • Habilidade para realizar estudos socioeconômicos e elaborar pareceres e laudos sociais;
  • Capacidade de articulação e mobilização da sociedade civil para a defesa dos direitos sociais;
  • Habilidade para trabalhar em equipe e para estabelecer parcerias com outros profissionais e instituições;
  • Ética profissional e compromisso com a promoção do bem-estar social;
  • Sensibilidade e empatia para lidar com pessoas em situação de vulnerabilidade social;
  • Capacidade de comunicação clara e objetiva com diferentes públicos.

Conclusão

As atribuições privativas do assistente social são fundamentais para garantir a efetividade do trabalho desse profissional na promoção do bem-estar social. Elas estabelecem o campo de atuação exclusivo do assistente social, garantindo a valorização e a autonomia profissional. Para desempenhar essas atribuições com efetividade, é necessário que o profissional tenha algumas competências, como conhecimento teórico e prático sobre as políticas sociais, habilidade para planejar, executar e avaliar planos, programas e projetos sociais, ética profissional e compromisso com a promoção do bem-estar social.

FAQs

O que é o serviço social?

O serviço social é uma profissão regulamentada por lei, que tem como objetivo principal promover o bem-estar social, a partir de ações que buscam garantir direitos e ampliar o acesso a serviços públicos.

Quais são as principais áreas de atuação do assistente social?

O assistente social pode atuar em diversas áreas, como assistência social, políticas públicas, trabalho, educação, saúde, meio ambiente, justiça, cultura, combate à discriminação, entre outras.

Qual é o papel do assistente social na promoção do bem-estar social?

O assistente social desempenha um papel fundamental na promoção do bem-estar social, a partir das atribuições privativas estabelecidas por lei. Ele tem como objetivo garantir a efetividade do trabalho na promoção do bem-estar social, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida da população.

Related video of atribuições privativas do assistente social

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait