A Função De Linguagem Predominante No Texto Lido É

Reza November 7, 2022
Funções da Linguagem Mapa Mental em 2020 Função da linguagem

A função de linguagem é uma das principais ferramentas que os escritores usam para transmitir suas ideias e mensagens aos leitores. Cada função de linguagem tem uma finalidade específica, como informar, persuadir, expressar sentimentos ou manter o contato social. Quando lemos um texto, podemos identificar facilmente qual função de linguagem está sendo usada com mais frequência.

Identificando a função de linguagem predominante

Para identificar a função de linguagem predominante em um texto, é preciso analisar os seguintes aspectos:

  • O objetivo do autor
  • O público-alvo
  • O tipo de texto
  • Os recursos linguísticos usados

A partir dessas informações, é possível determinar qual função de linguagem é mais utilizada no texto. As seis funções de linguagem são:

  1. Referencial ou informativa
  2. Emotiva ou expressiva
  3. Conativa ou apelativa
  4. Fática ou de contato
  5. Metalinguística
  6. Poética

A função referencial ou informativa é aquela que tem como objetivo transmitir informações objetivas e factuais. Essa função é predominante em textos jornalísticos, científicos e acadêmicos, por exemplo. Nesses textos, o autor apresenta dados, fatos e argumentos de forma clara e objetiva, sem se preocupar em persuadir ou convencer o leitor.

A função emotiva ou expressiva é aquela que tem como objetivo expressar emoções, sentimentos e opiniões do autor. Essa função é predominante em textos literários, poéticos e pessoais, por exemplo. Nesses textos, o autor usa recursos linguísticos como metáforas, comparações e figuras de linguagem para transmitir sua visão de mundo e suas emoções.

A função conativa ou apelativa é aquela que tem como objetivo persuadir o leitor a tomar uma atitude específica. Essa função é predominante em textos publicitários, políticos e de propaganda, por exemplo. Nesses textos, o autor utiliza recursos como imperativos, perguntas retóricas e argumentos persuasivos para convencer o leitor a fazer algo.

For more information, please click the button below.

A função fática ou de contato é aquela que tem como objetivo estabelecer e manter o contato social entre emissor e receptor. Essa função é predominante em textos informais, como conversas, telefonemas e mensagens de texto, por exemplo. Nesses textos, o autor usa expressões como “oi”, “tudo bem?” e “como vai?” para iniciar e manter a conversa.

A função metalinguística é aquela que tem como objetivo falar sobre a própria linguagem. Essa função é predominante em textos técnicos e linguísticos, por exemplo. Nesses textos, o autor usa termos técnicos e explicações para descrever a linguagem e seus usos.

A função poética é aquela que tem como objetivo criar uma experiência estética e emocional no leitor. Essa função é predominante em textos literários e poéticos, por exemplo. Nesses textos, o autor usa recursos linguísticos como ritmo, sonoridade e imagens para criar uma atmosfera e despertar emoções no leitor.

Analisando o texto para identificar a função de linguagem predominante

Para identificar a função de linguagem predominante em um texto, é preciso ler atentamente e analisar os aspectos mencionados anteriormente. Vamos analisar um exemplo de texto para ilustrar como isso funciona:

“Hoje é um lindo dia de sol. O céu está azul e não há nuvens à vista. As árvores balançam suavemente com a brisa. As pessoas parecem mais felizes e animadas hoje.”

Analisando esse texto, podemos identificar que a função predominante é a emotiva ou expressiva. O autor está expressando suas emoções e sentimentos sobre o dia ensolarado. Ele usa adjetivos como “lindo”, “azul” e “suavemente” para transmitir uma sensação de beleza e tranquilidade. Além disso, a frase “As pessoas parecem mais felizes e animadas hoje” revela que o autor está percebendo uma mudança no comportamento das pessoas, o que também é uma expressão de sua visão de mundo.

Conclusão

A função de linguagem predominante em um texto é determinada pelo objetivo do autor, público-alvo, tipo de texto e recursos linguísticos usados. Identificar a função predominante é importante para compreender melhor as intenções do autor e o impacto que o texto pode ter sobre o leitor. Cada função de linguagem tem sua própria finalidade e recursos, e saber identificá-las pode ajudar a melhorar a comunicação e a expressão escrita.

FAQs

1. É possível identificar mais de uma função de linguagem em um texto?

Sim, é possível que um texto apresente mais de uma função de linguagem predominante. Isso acontece com frequência em textos literários, que podem ter uma função emotiva predominante, mas também apresentar elementos da função poética ou referencial.

2. A função de linguagem de um texto pode mudar ao longo do tempo?

Sim, a função de linguagem de um texto pode mudar dependendo do contexto em que é utilizado. Por exemplo, um texto publicitário pode ter a função conativa predominante em um momento específico, mas depois mudar para a função referencial quando apresenta informações sobre o produto.

3. Qual é a função de linguagem predominante em textos de redes sociais?

Os textos de redes sociais geralmente apresentam uma função fática predominante, já que têm como objetivo estabelecer e manter contato social entre os usuários. No entanto, dependendo do tipo de postagem, pode haver uma função emotiva ou conativa predominante, como em postagens de opinião ou propaganda.

Related video of a função de linguagem predominante no texto lido é

Reza Herlambang

Eu sou um escritor profissional na área de educação há mais de 5 anos, escrevendo artigos sobre educação e ensino para crianças na escola.

Leave a Comment

Artikel Terkait